Skip to content

Caças da USAF interceptam avião civil iraniano sobre a Síria

Ontem, 23 de julho, um avião civil da empresa iraniana  Mahan Air estava voando para Beirute, Líbano, quando foi interceptado por dois caças norte-americanos, de acordo com a agência iraniana IRNA, fato que depois foi confirmado pela USAF.

https://platform.twitter.com/widgets.js

O piloto do avião iraniano afirmou que quando entrou em contato com os pilotos dos aviões de caça para pedir que mantivessem distância, estes se identificaram como americanos.

Embora o avião iraniano finalmente tenha aterrissado no aeroporto de Beirute, alguns de seus passageiros foram imediatamente levados ao hospital, pois estranhamente os meios de comunicação iranianos e de outras nações afirmaram que existiam “feridos na aeronave”(?!?).

“Todos os passageiros estão bem, mas alguns sofreram ferimentos leves”; “Muitos sofriam de choque e medo”; disse o chefe do aeroporto de Beirute, Fadi al-Hassan, à emissora libanesa New Television.

A agência estatal síria SANA informou que os caças eram americanos e decolaram de uma base aérea na Síria.

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores do Irã, Abbas Mousavi, disse que estão em andamento investigações sobre o incidente.

Mousavi disse que, depois de completar as informações sobre o incidente, o Irã tomará as medidas políticas e legais necessárias a esse respeito.

Ele também disse que o embaixador permanente do Irã nas Nações Unidas, Majid Takht-e Ravanchi, conversou com o secretário-geral da ONU, Antonio Guterres. Ele ressaltou que, se o incidente se repetir no caminho de volta para casa, os EUA serão responsabilizados.

Inicialmente, a agência estatal turca Anadolou informou que o avião de passageiros fora interceptado por caças israelenses clandestinamente no espaço aéreo da Síria.

A PressTV também informou que estavam envolvidos caças israelenses, mas a realidade que ocorreu foi uma confusão devido a ignorancia dos passageiros e tripulantes devido a semelhança das aeronaves de caça americanas e israelenses e suas marcações.

https://platform.twitter.com/widgets.js

O avião estava voando perto da fronteira da Síria com o Líbano e foi “perigosamente abordado” pelos aviões de combate, forçando o piloto a descer bruscamente para evitar um acidente, disseram relatórios dos tripulantes do avião iraniano.

https://platform.twitter.com/widgets.js

Após o incidente, o Comando Central dos EUA admitiu que não envolvia caças israelenses, mas sim EUA.

“Um dos F-15 realizou uma inspeção visual padrão de um avião de passageiros da Mahan Air a uma distância segura de cerca de 1.000 metros (3.280 pés) do avião esta noite”, “A interceptação profissional foi realizada de acordo com padrões internacionais”; “A inspeção visual ocorreu para garantir a segurança do pessoal da coalizão na guarnição de At Tanf”,  “Depois que o piloto do F-15 identificou a aeronave como um avião de passageiros da Mahan Air, o F-15 abriu distância com segurança da aeronave.” declarou o Capitão Bill Urban, porta-voz do Comando Central dos EUA.

Autoridades americanas disseram que o F-15 mantinha uma distância de 1.000 metros entre a aeronave.

https://platform.twitter.com/widgets.js

Fonte: https://www.centcom.mil/MEDIA/STATEMENTS/Statements-View/Article/2286567/us-central-command-statement-on-a-visual-inspection-of-a-mahan-air-passenger-ai/utm_source/hootsuite/
  • Com informações SANA Syria, Anadolou Agency, IRNA Iranian agency & USAF/U.S. Central Command via redação Orbis Defense Europe.

O post Caças da USAF interceptam avião civil iraniano sobre a Síria apareceu primeiro em DEFESA TV.


Source: DefesaTV