Encontro entre Trump e Kim começará com jantar nesta quarta-feira em Hanói - Geopolítica MundialGeopolítica Mundial
[email protected]+55 (61) 99682-6245 facebook

logo

publicado em:26/02/19 3:51 PM por: marcelo_mb_rj Notícias

A segunda cúpula entre o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o líder norte-coreano, Kim Jong-un, começará com um jantar nesta quarta-feira em Hanói, seguida de um dia inteiro de reuniões na quinta-feira sobre o processo de desnuclearização da Coreia do Norte.

A porta-voz da Casa Branca, Sarah Sanders, confirmou nesta terça-feira essas informações, dadas pela agência sul-coreana “Yonhap”, e antecipou parte da agenda de Trump em Hanói.

O presidente americano embarcou ontem de Washington no Air Force One e espera-se que chegue às 21h (horário local, 11h em Brasília) à capital vietnamita, onde Kim já se encontra, após uma longa viagem de trem desde Pyongyang.

A cúpula não deve começar antes da tarde de quarta-feira, quando Trump e Kim “se cumprimentarão brevemente a sós” antes de iniciar um jantar de trabalho, explicou Sarah aos jornalistas que viajam com o presidente americano.

Participarão do jantar, pelo lado dos EUA, o secretário de Estado, Mike Pompeo, e o chefe de gabinete interino da Casa Branca, Mick Mulvaney; enquanto Kim será acompanhado por outros dois funcionários norte-coreanos. Um deles, segundo rumores, é o responsável pela inteligência da Coreia do Norte, Kim Yong-chol.

Espera-se que o grosso das reuniões da cúpula aconteça na quinta-feira, embora ainda não se saibam os detalhes da agenda desse processo.

Pompeo chegou hoje a Hanói para preparar a visita de Trump, e se reunirá à tarde com o chefe da diplomacia do Vietnã, Pham Binh Minh.

“Será uma oportunidade importante (a cúpula entre Trump e Kim) para avançar a respeito dos compromissos da cúpula (de junho do ano passado) Singapura, sobre transformar as relações, construir uma paz duradoura e conseguir a desnuclearização completa”, escreveu Pompeo em sua conta no Twitter ao chegar ao Vietnã.

O assessor de segurança nacional de Trump, John Bolton, também chegou hoje a Hanói, confirmou à Agência Efe seu porta-voz, Garrett Marquis.

Bolton é conhecido por sua linha dura a respeito da Coreia do Norte e no ano passado, antes da cúpula de Singapura, irritou Pyongyang ao declarar que os EUA queriam seguir com a Coreia do Norte “o modelo de Líbia”, em referência ao acordo que Washington assinou em 2003 com Trípoli para erradicar as armas de destruição em massa no país.

A agenda de Trump em Hanói começará amanhã às 11h (1h em Brasília) com um encontro com o presidente do Vietnã e secretário-geral do Partido Comunista, Nguyen Phu Trong.

Trump e sua delegação terão depois um encontro bilateral com as autoridades vietnamitas, seguido da assinatura de um acordo comercial, cujos detalhes não foram revelados, e de um almoço de trabalho com o primeiro-ministro do Vietnã, Nguyen Xuan Phuc.

Fonte: EFE Brasil





Comentários



Adicionar Comentário